Arquitetos e paisagistas inspiram coleção da Primavera Verão 2018 de Cris Barros

A coleção da Primavera Verão 2018 da Cris Barros buscou inspiração na arquitetura modernista de Lucio Costa, Rino Levi e Oscar Niemeyer, azulejos hidráulicos de Paulo Mendes da Rocha, paisagismo de Burle Marx e obras de Alexandre da Cunha.
A harmonia de cores está presente na composição de tons fortes, derivados de plantas e frutas nativas, tons neutros e crus, como a cor do bambu e da cerâmica, e ainda tons avermelhados, dos rios e solos brasileiros.
Os tecidos são linho, seda rústica, telas de algodão, texturas e jacquards. As estampas foram criadas a partir da fauna e flora brasileira.

Um comentário

Os comentários estão fechados.