Artes do Renascimento e Pré-Raphaelita inspiram Verão 2018 da Gucci

Utopian Fantasy é o tema da campanha da primavera-verão 2018 da Gucci. Feita em colaboração com o artista digital Ignasi Monreal, ela conta com ‘fotos’ tratadas como pinturas do Renascimento (meados do séculos XIV e fim do século XVI e Pré-Raphaelita (meados do séculos XIX).
Dentro do conceito das obras de artes, as imagens focam nos temas terra, mar e céu com direito a sereias, corujas e tigres.
O resultado é sensacional!

Renascimento

Detalhes da pintura renascentista: a utilização da perspectiva, através da qual os artistas conseguem reproduzir em suas obras. Espaços reais sobre uma superfície plana, dando a noção de profundidade e de volume, ajudados pelo jogo de cores que permitem destacar na obra os elementos mais importantes e obscurecer os elementos secundários. Variação de cores frias e quentes e o manejo da luz permitem criar distâncias e volumes que parecem ser copiados da realidade. Utilização da tinta à óleo, que possibilitará a pintura sobre tela com uma qualidade maior, dando maior ênfase à realidade e maior durabilidade às obras.

Pré-Raphaelita

O artista aspira à beleza poética, à representação além da realidade visível: trabalha-se com a matéria da alma e a espiritualidade. Esta representação do “sonho” vai-se traduzir formalmente na busca da harmonia e equilíbrio entre os elementos. A pintura com base no desenho vai resultar em imagens quase ornamentais repletas de pormenores e detalhes fotográficos, onde o traçado fluido e gráfico busca realçar aspectos estéticos, independentemente da sua semelhança ou não com a realidade. Também na aplicação da cor se vão quebrar laços com as técnicas tradicionais surgindo agora cores luminosas, esmaltadas, que ajudam à sensibilidade estética de pinturas poéticas onde o romance e o erotismo, unidos a uma certa inocência, têm lugar de destaque.