Hollywood avalia como promover inclusão eficaz da comunidade negra

Hollywood ficou sob os holofotes em 2015 pela falta de diversidade, quando o movimento #OscarsSoWhite destacou a escassez de indicados negros para o principal prêmio da indústria cinematográfica.
Após os protestos em massa desencadeados pela morte de George Floyd sob custódia policial dos Estados Unidos e a eternização do #vidasnegrasimportam, a indústria do entretenimento enfrenta novas críticas por não fazer o suficiente para incluir pessoas negras na frente e atrás das câmeras.
A Reuters perguntou a atores, diretores, escritores e produtores que mudanças eles gostariam de ver em resposta ao novo impulso pela igualdade racial no país. Abaixo, estão as respostas.

PRODUTORA, DIRETORA E ESCRITORA AVA DUVERNAY:
“À medida que a indústria reabrir em agosto e setembro, com as pessoas voltando aos sets, o resultado final é que precisamos continuar a fazer a pergunta: ‘Quando olhamos em volta, existem tipos diferentes de pessoas que refletem o mundo real nos sets em que estamos?’. Se a resposta for não, então você está falhando. Não há mais problema em pessoas que não sabem que há um problema, certo? Essa foi a primeira fase, e nós fizemos esse trabalho, certo? Todo mundo sabe que há um problema.”

Oscar 2017 Ava Duvernay veste Ashi Studio @ Getty

ATRIZ E PRODUTORA CHARLIZE THERON:
“A Hollywood branca deve ser responsabilizada. Acho que esse tem sido o maior problema. As minorias não têm sido o problema em nossos setores. Elas querem contar suas histórias, mas nunca tiveram acesso ou oportunidade.
Não quero fazer parte do problema e, se estou em uma posição em que posso fazer algo para corrigir isso, tenho que fazer. É a coisa certa. Nem é a coisa certa a fazer, é a melhor coisa a fazer. Isso contribui para uma melhor narrativa.”

Oscar 2020 Charlize Theron veste Dior Couture @Shutterstock

ATRIZ KIKI LAYNE:
“Responsabilize Hollywood, caramba. Eles precisam começar a ficar mais conscientes de como somos retratados, como isso nos afeta na vida cotidiana, e ser responsabilizados pelo poder que está na representação no cinema e na televisão. Então é melhor eles agirem juntos antes de voltarmos.”

APRIL REIGN, CRIADORA DA CAMPANHA #OSCARSSOWHITE:
“Não deve ser apenas uma questão negra. Temos uma escassez de apresentações negras na tela, mas a comunidade latinx está sofrendo ainda mais. A comunidade AAPI (asiáticos-americanos e das ilhas do Pacífico) está sofrendo ainda mais, a comunidade indígena está sofrendo ainda mais do que os negros.
Espero que os estúdios ajam enquanto o assunto está quente. Não quero ver uma infinidade de filmes de resistência daqui a um ano, nos quais há alguns casais inter-raciais que encontram amor em um protesto ou alguma porcaria. Acho que há muito histórias mais profundas que precisam ser contadas.”

April Reign #OscarsSoWhite @ Reuters

ATRIZ ROSE BYRNE:
“Ter mais pessoas de cor em posições de poder, seja executivos, seja criativos, em todos os setores. As porcentagens são tão baixas para pessoas de cor, e mulheres também. Acho que isso deve ser tratado imediatamente.”

Rose Byrne na première de Like a Boss@ Getty Images