O xadrez na moda e na decoração

Boteco da Estação por Ana Paula Barros e Maycon Flamarion-Foto Leandro Farchi

A estampa xadrez tem indícios a partir da Idade do Ferro (700 –50 a.C.), ou seja, as estampas geométricas fazem parte da história da humanidade. As estampas abaixo atualmente conhecidas como “Medevi Square” e “Vichy”, respectivamente, remontam à origem desse padrão.

Xadrez medevi-square e vichy

Largamente utilizada pelos escoceses e seus tartans para a identificação dos clãs, tornou-se um ícone dessa cultura. Os mais populares atualmente são o Black Watch (3º Batalhão do Regimento Real da Escócia) e o Royal Stewart Tartan (atualmente é também o tartan pessoal de Rainha Elizabeth II).

xadrez black watch e royal stewart

Com o tempo, surgiram novas padronagens, cores e tecidos e desde então, ganham releituras em desfiles de moda, seja nas coleções de verão ou inverno, tanto nos vestuário masculino, quanto no feminino.

Xadrez no Desfile Acquastudio Fashion Rio 2011

Outras versões surgidas a partir do xadrez são conhecidas como pied-de-poule (traduzindo, pé de galinha) e também uma bem similar – que por vezes se confundem – a pied-de-coq (pé de galo). Elas se assemelham às pegadas. São clássicos do mundo da moda e foram trazidas pela ousada Coco Chanel na década de 30. Antes disso, a padronagem era restrita às peças masculinas.

Xadrez Pied-Poule e Pied-de-coq
Não importam as cores e as proporções, essa padronagem não sai de moda e estende-se aos tecidos de decoração e aos móveis, dando um toque aconchegante e vintage ao ambiente.
(Texto colaborativo: Ana Paula Barros)

Cadeira Play by Phillipe Starck
Mesa Chess, Front Design para Moooi
Aparador Xadrez, Maria Cândida Machado para a Interni

Um comentário

  1. Olá! Muito legal essa troca de ideias entre a moda e a decoração da casa. Assim como o xadrez, as estampas de animais compartilharam essa nova tendência deixando o ambiente das casas em sintonia com as passarelas. Parabéns pelo blog. Abraços!

    Curtir

Os comentários estão fechados.