Aos 50 anos, Nicole Kidman é um ícone de estilo de Hollywood

Prestes a completar 50 anos, Nicole Kidman é um ícone de estilo de Hollywood. Nascida em 20 de junho de 1967, no Havaí (EUA), Nicole foi se mudou para Sydney (Austrália) com a família quanto tinha três anos. Ela tem dupla cidadania.
Estudou Balé desde muito cedo e rapidamente começou a mostrar seu interesse pela atuação em peças do Ensino Fundamental e Médio. Fez curso de interpretação no Phillip Street Theatre (tendo Naomi Watts como colega) e no Australian Theatre for Young People.
Com 1,80m, a ruiva de 16 anos fez sua estreia no filme ‘Bush Christmans’. Em seguida, ganhou um papel na série de TV ‘Five Mile Creek’. Na sequência, fez uma série de filmes, séries e minisséries e participou de programas da TV australiana. Em 1988, foi premiada como melhor atriz coadjuvante pelo Australian Film Institute pelo papel em ‘Emerald City’. No ano seguinte, estrelou ao lado de Sam Neil o terror psicológico ‘Terror à Bordo’, que ganhou reconhecimento internacional. Depois de participar da minissérie ‘Bangkok Hilton’, conheceu Tom Cruise durante as filmagens de ‘Dias de Trovão’, em 1990.
Ficaram casados por 11 anos. Sua carreira ganhou impulso com o filme ‘Um Sonho Sem Limites’, que rendeu um Globo de Ouro de Melhor Atriz em Comédia/Musical) e chamou atenção em ‘De Olhos Bem Fechados’, de Stanley Kublick, ao lado do marido.
Mas o casamento terminou em 2001. Na sequência, ela estrelou o elogiado ‘Moulin Rouge’, que rendeu outro Globo de Ouro e sua primeira indicação ao Oscar. Também atuou no excelente ‘Os Outros’, que levou mais de U$ 210 milhões nas bilheterias. No final desse ano, foi eleita a Mulher Mais Bonita do Mundo pela Revista People.

Oscar 2003 Nicole Kidman (As Horas) veste Jean Paul Gaultier @ Getty

Em 2002, ela estrelou ‘As Horas’, ao lado de Meryl Streep e Julianne Moore. Levou o Oscar, Globo de Ouro, BAFTA e Berlin. A partir desse momento, Nicole se tornou uma estrela internacional.
Foi o rosto da campanha do perfume Chanel No. 5 em 2004, 2005, 2006 e 2008. O primeiro filme da campanha – dirigido por Baz Luhrmann e co-estrelado por Rodrigo Santoro – a transformou na atriz mais bem paga da história com um cachê de U$ 12 milhões por um trabalho de três minutos. Em 2005, a revista Forbes a colocou em 45º lugar entre as 100 Celebridades Mais Bem Pagas e segundo (perdeu para Julia Roberts) como a atriz mais bem paga de Hollywood – valendo entre U$ 16 a 17 milhões por filme. Em 2007, a Nintendo a contratou para ser o rosto do game More Brain Training no mercado europeu.
Na vida pessoal, depois do divórcio, a coisa também foi animada. Namorou os atores Marcus Graham, Adrien Brody, Jude Law, o rapper Q-Tip e os cantores Lenny Kravitz e Robbie Williams. Em 2007, contou numa entrevista na Vanity Fair que estava casada com o cantor country Keith Urban desde junho de 2006. Da união, tiveram duas filhas.

Big Litlle Lies @ divulgação

Desde então, sua carreira teve altos e baixos numa sucessão de filmes com pouca expressão. A coisa mudou em 2016, quanto voltou com sua ótima atuação em ‘Lion’, papel que rendeu indicações ao Oscar (quarta), Globo de Ouro (11ª), BAFTA e SAG Awards. Em 2017, estrelou e co-produziu a excelente minissérie ‘Big Little Lies’ da HBO. Num papel ousadíssimo, ela ganhou elogios da crítica. Sucesso de público garantiu uma segunda temporada para 2018.
Em agosto, ela voltará às telas no filme de Sofia Coppola ‘O Estranho que nos Amamos’, ao lado de Kirsten Dunst e Elle Fanning.
Atualmente, ela está filmando ‘Aquaman’, no papel de Rainha Atlanna, mãe do personagem principal do filme da Marvel, com estreia prevista para dezembro de 2018.