Os relógios de ouro rosa da Jaeger-LaCoultre

A Jaeger-LeCoultre apresenta a versão ouro rosa de relógio da coleção Joaillerie 101. Desde 1929, o Calibre Jaeger-LeCoultre 101 representa o que há de melhor na maestria da miniaturização absoluta. Na época, os relógios de bolso cederam o lugar aos relógios de pulso, especialmente apreciados pelas mulheres que sonhavam em usar no pulso uma joia que conciliasse a precisão da função mecânica com o refinamento estético.
Inspirado no célebre movimento Duoplan, cuja principal característica era de se dividir em dois planos superpostos na horizontal, este movimento mecânico, que é até hoje o menor do mundo, se afirma como o fruto de quase um século de conhecimento relojoeiro. Protegido em um volume de 0,2 cm3, medindo 14 mm x 4,8 mm por 3,4 mm de espessura, cada Calibre Jaeger-LeCoultre 101 é único.
Cada um de seus componentes é fabricado e ajustado sob medida. Autêntica obra-prima da micromecânica, pesando apenas um grama, ele abriga 98 componentes montados à mão por alguns poucos relojoeiros que possuem a rara maestria da montagem minuciosa deste apanhado de precisão. É preciso dizer que seu balanceiro oscila a 21.600 alternâncias por hora, um verdadeiro desafio em termos de precisão.