As apostas do MONDO MODA para o Oscar 2019

Apesar das polêmicas, o Oscar 2019 promete algumas surpresas. A festa acontece nesse domingo, 24, com exibição pelo TNT às 22h, e na TV Globo só Deus sabe. Segundo divulgação da emissora ‘logo após o BBB’, ou seja…

Depois do ‘desconvite’ do ator Kevin Hart de apresentar a cerimônia (foram encontrados antigos tweets homofóbicos), a academia resolveu não ter apresentador, como na edição de 1989, considerada a pior de todos os tempos. Porém, nessa semana, começou a circular que Whoopi Goldberg poderia ser a apresentadora surpresa. Fato não comprovado – mas também não desmentido.

Se isso não bastasse, com a ideia de diminuir o tempo da cerimônia, resolveram que os prêmios de Fotografia, Montagem, Cabelo e Maquiagem e Curta-Metragem. Diante da pressão dos sindicatos e diretores, recuaram e tudo será entregue como sempre foi. Se não bastasse, tiveram a ideia de apresentar apenas duas das canções indicadas (dos filmes ‘Nasce Uma Estrela’ e ‘Pantera Negra’), porém, também recuaram.

Filmes

‘Roma’ ficou uma semana em cartaz nos cinemas americanos, assim como no resto do mundo (deixou de ser exibido em diversos países), no mesmo dia que a Netflix disponibilizou o mesmo para seus assinantes. Independente das (indiscutíveis) qualidades da obra, os puristas de cinema não gostaram da ideia. É um filme emocionante que bebe na fonte do cinema os anos 50, com excepcional direção, fotografia e montagem. Sua vitória como Filme Estrangeiro é a única certeza. Se uma obra falada em espanhol e bancada por um serviço de streaming ganhar como Melhor Filme será uma revolução em Hollywood.

‘Pantera Negra’ tem boas chances. Entre seus pontos positivos: U$ 1.346.913 bilhões nas bilheterias mundiais e U$ 700 milhões somente nos EUA. Primeiro filme com elenco majoritariamente negro da história do cinema americano. Blockbusters são os filmes que mantem a poderosa indústria de Hollywood, mas nunca foram reconhecidos pela Academia. Por outro lado, exatamente isso pode ser seu principal obstáculo, uma vez que ‘não é filme com cara de Oscar’, ou seja, ‘não é sério e consistente de acordo com os critérios que sempre foram levados em conta nos 91 anos da premiação. Além do mais, o filme não está indicado em direção (Ryan Coogler), roteiro e em nenhuma das quatro categorias de atuação.

‘Green Book: o Guia’ se destacou por uma estória bem contada e interpretada pelos atores Viggo Mortesen e Mahershala Ali (o favorito na categoria de Ator Coadjuvante). É um filme que desvenda o racismo na América do início dos anos 70, que tem emocionado a plateia, principalmente a branca, que não imaginava que cantores negros pudessem ter sofrido preconceito. Você sabe que, no inconsciente coletivo da classe média branca, celebridades estão acima do bem ou do mal. São entidades em tronos de ouro cravejadas por diamante. Assim, quem diria que um talentoso e rico cantor negro pudesse sofrer as agruras que ele sofreu, como ‘qualquer outro’ profissional? Cinismo à parte, Peter Farrelly também ficou de fora entre os indicados a Melhor Diretor.

Em outras Eras, ‘Vice’ poderia ser o ‘filme do ano no Oscar’, tamanho é excelência de suas qualidades, principalmente pela brilhante direção e roteiro de Adam McKay e seu afiadíssimo elenco (Christin Slate, Amy Adams e Sam Rockwell concorrem como Ator e Coadjuvantes), porém… É uma obra para poucas pessoas, principalmente pela quantidade de informações históricas (contadas com farta dose de ironia e humor muito sutil). Não tem qualquer apelo popular e o tema parecer ser ‘muito’ americano.

Por outro lado, popularidade não falta em ‘Bohemian Rhapsody’. O primeiro apresenta uma versão soft da vida do cantor Freddy Mercury e sua banda Queen. É emocionante. Arrancou lágrimas dos fãs e surpreendeu pela atuação de Rami Malek, que, mesmo não sendo nada parecido, arrepia com o tamanho de sua entrega ao papel. Mas o filme carrega um estigma com a ‘saída’ do diretor Bryan Singer. Entre os boatos, uma briga feia com o protagonista, que pediu sua cabeça a Fox. Outros contam que ele faltou diversos dias da filmagem, causando problemas para produção. Em dezembro de 2017, surgiu a acusação que Bryan estuprou um rapaz de 17 anos em 2003. Essa acusação se somou a outra de 2014, quando foi revelado que ele violentou Michael F. Egan, quando esse era um adolescente em 1999 depois que o drogou durante uma festa em Hollywood.

Outro sucesso foi a quarta versão do romance musical ‘Nasce Uma Estrela’. As duas primeiras versões foram de 1937 (com Janet Gaynor e Fredric March) e 1954 (com Judy Garland e James Mason), que se passavam no universo de atores. A versão de 1976 com Barbra Streisand e Kris Kristofferson mudou o foco para a música, que foi exatamente o mesmo feito pelo filme atual dirigido, interpretado e musicado por Bradley Cooper. Assim como as outras versões, a estória é sobre um artista que foi muito famoso, mas se encontra em decadência graças ao vício em álcool e drogas, conhece uma talentosa garota. Eles se envolvem. Ela é ajudada a se tornar uma estrela, enquanto ele se afunda na decadência total. No início de dezembro, o filme era considerado a grande promessa do Oscar, porém, na pulverizada temporada de prêmios, a única certeza é sua vitória na categoria Canção Original (Shalow).

Os dois últimos concorrentes ‘Infiltrado na Klan’ e ‘A Favorita’ são bons filmes. O primeiro destaca a direção de Spike Lee e o segundo, seu apurado elenco feminino (Olivia Colman, Rachel Weisz e Emma Stone).

Protagonistas

Oscar 2019 Atrizes @ Reprodução

Finalmente Glenn Close poderá levar seu primeiro Oscar em quatro décadas de serviços prestados em Hollywood. Sua atuação em ‘A Esposa’ é poderosa. Sem usar qualquer artifício de composição (não engordou, não usou maquiagem, peruca, mancou, cadeira de roda, etc), ela é responsável por uma aula de atuação. Represando emoções, seu olhar diz absolutamente tudo o que a alma da personagem anseia em dizer.

Ela venceu o Globo de Ouro, SAG Awards e empatou com Gaga no Critic’s Choice. Só perdeu no BAFTA para inglesa Olivia Colman, em ‘A Favorita’, que é a única que tem chances de derrota-la. Ao contrário de Glenn, usa os artifícios cênicos (engordou 15 quilos, mudou a forma de andar e conta com uma maquiagem caricata) que os acadêmicos e o público menos refinado adoram.

As outras concorrentes (Melissa McCartney, Lady Gaga ou Yalitza Aparicio) já deveriam estar muito satisfeitas por tomar o lugar de Toni Collette, que teve uma atuação assombrosa em Hereditário, mas foi esnobada pela Academia.

Oscar 2019 Atores @ Reprodução

No início da Temporada de Prêmios, Rami Malek tinha um grande opositor: Ethan Hawke, pelo filme ‘Coração na Escuridão’, porém, a ausência do mesmo na lista dos indicados ao Oscar, sua vitória é uma certeza.

Mas… A atuação de Christian Bale como Dick Chenney em ‘Vice’ ganhou elogios na mesma proporção de críticas pela pesada caracterização que deixou o rosto do ator irreconhecível. Foi o mesmo recurso que garantiu o Oscar 2018 para Gary Oldman no chatérrimo ‘O Destino de Uma Nação’. Sendo assim…

Sobre os outros concorrentes… Viggo Mortensen está excelente em ‘Green Book’, mas ainda não será dessa vez que ouvirá seu nome ser anunciado. Willen Dafoe (O Portal da Eternidade) e Bradley Cooper (Nasce Uma Estrela) não têm chances.

Coadjuvantes

Se não acontecer qualquer bizarrice, Mahershala Ali deve ganhar seu segundo Oscar como Melhor Coadjuvante pela excelente atuação em ‘Green Book: O Guia’. Mas… Isso deixaria de acontecer se a Academia quiser premiar o veterano Sam Elliot que aos 74 anos recebe sua primeira indicação ao Oscar pelo papel em ‘Nasce Uma Estrela’, que, sinceramente, não foi nada fora do comum.

Entre as mulheres… Regina King nadou de braçadas entre os críticos americanos e canadenses em dezembro no inicio da Temporada de Prêmios (levou 36 prêmios). Em janeiro, o Globo de Ouro celebrou seu nome, porém, sua ausência entre as concorrentes ao SAG, levado por Emily Blunt por ‘Num Lugar Silencioso’ foi sentida. A vitória de Rachel Weisz no BAFTA sinalizou que a briga será ferrenha.

Sinceramente, não estranharia uma vitória surpresa de Amy Adams por ‘Vice’, que concorre pela sexta vez ao prêmio, sem nenhuma vitória.

Confira todos os concorrentes:

Melhor filme
Pantera Negra
Infiltrado na Klan
Bohemian Rhapsody
A Favorita
Green Book: O Guia
Roma
Nasce Uma Estrela
Vice

Melhor diretor
Spike Lee, Infiltrado na Klan
Pavel Pawi, Guerra Fria
Yorgos Lanthimos, A Favorita
Alfonso Cuarón, Roma
Adam McKay, Vice

Melhor filme estrangeiro
Cafarnaum (Lìbano)
Guerra Fria (Polônia)
Never Look Away (Alemanha)
Roma (México)
Shoplifters (Japão)

Melhor atriz
Yalitzia Aparicio, Roma
Glenn Close, A Esposa
Olivia Colman, A Favorita
Lady Gaga, Nasce uma Estrela
Melissa McCarthy, Poderia Me Perdoar?

Melhor ator
Christian Bale, Vice
Bradley Cooper, Nasce uma Estrela
Willem Dafoe, At Eternity’s Gate
Rami Malek, Bohemian Rhapsody
Viggo Mortensen, Green Book

Melhor atriz coadjuvante
Amy Adams, Vice
Marina de Tavira, Roma
Regina King, Se A Rua Beale Falaase
Emma Stone, A Favorita
Rachel Weisz, A Favorita

Melhor ator coadjuvante
Mahersala Ali, Green Book
Adam Driver, Infiltrado na Klan
Sam Elliot, Nasce uma Estrela
Richard E. Grant, Poderia me Perdoar?
Sam Rockwell, Vice

Melhor roteiro Original
A Favorita
First Perform
Green Book
Roma
Vice

Melhor roteiro adaptado
A Balada de Buster Scruggs
Infiltrado na Klan
Can You Ever Forgive Me?
Se a Rua Beale Falasse
Nasce uma Estrela

Melhor Fotografia
Guerra Fria
A Favorita
Never Look Away
Roma
Nasce Uma Estrela

Melhor Design de Produção
Pantera Negra
A Favorita
O Primeiro Homem
O Retorno de Mary Poppins
Roma

Melhor figurino
A Balada de Buster Scruggs
Mary Queen of Scott
O Retorno de Mary Poppins
A Favorita
Pantera Negra

Melhor trilha sonora
Pantera Negra
Infiltrado na Klan
O Retorno de Mary Poppins
Se a Rua Beale Falasse
Ilha de Cachorros

Melhor canção original
All the Stars, Black Panther
I’ll Fight, RBG
The Place Where Lost Things Go, Mary Poppins
Shallow, Nasce uma Estrela
When a Cowboy trades his spurs for wings, A Balada de Buster Scruggs

Melhor efeitos visuais
Vingadores: Guerra Infinita
O Primeiro Homem
Ready Player One
Solo: A Star Wars Story

Melhor cabelo e maquiagem
Border
Mary Queen of Scott
Vice

Melhor animação
Os Incríveis 2
Ilha de Cachorros
Mirai
Ralph Quebra a Internet
Homem Aranha: no Aranhaverso

Melhor edição
Infiltrado na Klan
Bohemian Rhapsody
A Favorita
Green Book
Vice

Melhor edição de som
Pantera Negra
Bohemian Rhapsody
O Primeiro Homem
Um Lugar Silencioso
Roma

Melhor mixagem de som
Pantera Negra
Bohemian Rhapsody
O Primeiro Homem
Roma
Nasce uma Estrela

Melhor documentário
“Free Solo” Elizabeth Chai Vasarhelyi, Jimmy Chin, Evan Hayes and Shannon Dill
“Hale County This Morning, This Evening” RaMell Ross, Joslyn Barnes and Su Kim
“Minding the Gap” Bing Liu and Diane Quon
“Of Fathers and Sons” Talal Derki, Ansgar Frerich, Eva Kemme and Tobias N. Siebert
“RBG” Betsy West and Julie Cohen

Melhor curta-metragem de documentário
“Black Sheep” Ed Perkins and Jonathan Chinn
“End Game” Rob Epstein and Jeffrey Friedman
“Lifeboat” Skye Fitzgerald and Bryn Mooser
“A Night at The Garden” Marshall Curry
“Period. End of Sentence.” Rayka Zehtabchi and Melissa Berton

Melhor curta-metragem de animação
“Animal Behaviour” Alison Snowden and David Fine
“Bao” Domee Shi and Becky Neiman-Cobb
“Late Afternoon” Louise Bagnall and Nuria González Blanco
“One Small Step” Andrew Chesworth and Bobby Pontillas
“Weekends” Trevor Jimenez

Melhor curta-metragem
“Detainment” Vincent Lambe and Darren Mahon
“Fauve” Jeremy Comte and Maria Gracia Turgeon
“Marguerite” Marianne Farley and Marie-Hélène Panisset
“Mother” Rodrigo Sorogoyen and María del Puy Alvarado
“Skin” Guy Nattiv and Jaime Ray Newman

Sua opinião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.