Ana Paula Barros aponta os destaques da Casa Foa 2014

Casa Foa é uma mostra argentina de arquitetura, design de interiores, industrial e paisagismo que acontece anualmente. Criada em 1985 para arrecadar fundos para a Fundación Oftalmológica Argentina Jorge Malbran, uma instituição privada sem fins lucrativos que fomenta estudos e pesquisas na área oftalmológica e promove campanhas de prevenção e atendimento à população.
Este ano a 31ª. mostra foi realizada em um edifício histórico surpreendente, La Abadía de San Benito, no bairro de Palermo.
Casa Foa 2014 @ Ana Paula Barros
Casa Foa 2014 @ Ana Paula Barros
Os profissionais apresentaram 50 ambientes inspirando-se na história e características da edificação, trazendo ideias e tendências de design.
Na minha opinião, mostras e exposições que acontecem em edifícios antigos possuem uma aura diferente. É possível vivenciar o passado por meio do resgate desses espaços, mesmo com novos usos e ocupações.
Este ano também tinham várias intervenções e instalações artísticas em jardins e circulações, além do concurso de bancos urbanos que é promovido e cujo vencedor tem sua peça desenvolvida e instalada em espaços públicos em Buenos Aires.
Esse ano foi difícil eleger alguns ambientes que mais me encantaram. No geral, a mostra está muito bem conceituada e elaborada. Aliás, toda vez é algo difícil a se fazer porque sabemos do empenho e dedicação dos profissionais e equipes. Essas escolhas são baseadas nas minhas referências visuais e repertório. Espero que gostem!
Espaço 14 – Comedor Blue Porcelain – Arq. Javier Iturrioz
Espaço 14 – Comedor Blue Porcelain – Arq. Javier Iturrioz
Espaço 14 – Comedor Blue Porcelain – Arq. Javier Iturrioz
As cores azul e branco foram escolhidas como destaque nesse ambiente e amplamente exploradas. O azul em suas várias matizes e tonalidades aparece em estampas e texturas. Uma linguagem neoclássica maximizada, a simetria como elemento organizador do espaço e o resultado é um ambiente elegante e refinado.
Espaço 18 – Soho Bathroom – Urzanqui + Calamante
Urbanidade representada nos materiais, na ausência de cores, nos elementos que remetem à paisagem cosmopolita. O preto e o branco como protagonistas e uma linda ilustração de um recorte de um bairro nova-iorquino desenhado na parede.
Espaço 20 – Home Office – Grupo Haz
Um cantinho muito bem aproveitado, uma ampla bancada que tem como fundo um painel perfurado retroiluminado formando um grafismo muito interessante. A convidativa poltrona de leitura, com a iluminação pontuada e uma diversidade de texturas complementam o espaço.
Espaço 22 – La Nube – Mecha Palacio e Bea Palacio
Como o próprio nome já diz: “a nuvem”. Formada por semi-cilindros, unidos, de espuma de poliuretano, descartados por uma indústria. Acompanha em diversas alturas o percurso de subida da escada. Etéreo, sensorial, uma experiência muito bacana de vivenciar.
Espaço 33 – Dormitorio para Rosen – Dim Arquitectura
Quarto para uma jovem designer, inspirado em bastidores para arte que, além de dormitório, pode ser utilizado como home office e estar. Uma estrutura de madeira toda interligada setoriza as atividades, define o pé-direito e integra todo o ambiente. As características da construção, como o teto abobadado, são ressaltadas com iluminação.
Espaço 39 – Galería – Arq. Paola Rossi
Um emaranhado de fios forma um entrelaçado entre a fachada e uma sequência de arcos e colunas. A passagem é revestida de madeira e sobe aos bancos, que se estruturam em linhas diagonais ao longo do caminho. O grande destaque são os espelhos estilo veneziano com bisotês e desenhos emoldurando as janelas, refletindo o céu, os arcos e o jardim ao fundo, valorizando ainda mais o desenho da fachada.
Espaço 42 – Auditório Masisa – Arq. Jorge Muradas e Eliana Elesgaray
A atmosfera sacra do ambiente foi mantida e respeitada, porém o uso foi atualizado para um auditório. Paredes, tetos e estátuas foram pintadas de branco, o contraste de luz e sombra permite observar os detalhes. Em frente às janelas foram colocados painéis em MDF que permite, por frestas, a passagem da luz natural. A área central foi ocupada por um tablado e por bancos no mesmo material, em linhas bem retas, forçando uma linha horizontal.
Espaço 50 – Swimming Wood / Espacio Cetol – Arq. Julio Oropel
Linhas geométricas ora paralelas, ora inclinadas como se estivessem ao vento, criam uma pérgola escultórica. Uma “piscina” configura o espaço, rebaixando a área central para depois ressurgir em degraus e um deck com espreguiçadeiras para contemplação. Tudo isso em um único material, madeira, um visual homogêneo porém marcante.
Serviço
Casa FOA 2014 – La Abadía
Data: 10 de Outubro a 24 de Novembro
Horário: todos os dias de 12h às 20h – sextas-feiras das 12h às 24h.
Local: Rua Gorostiaga, 1908 – Palermo
(Artigo da arquiteta Ana Paula Barros – especial para o MONDO MODA)