Aos 76 anos, Barbra Streisand lança o álbum ‘Walls’ com críticas a Trump

Lançado no começo desse novembro, Walls é o título do 36º álbum de estúdio da cantora, diretora, atriz, produtora, compositora e ícone americano Barbra Streisand.
Aos 76 anos, ela mostra uma vitalidade única e, acredite, relevância. A administração de Donald Trump é ironizada pelo título, ‘Walls’, como ele se refere à fronteira do México, enquanto a canção ‘Don’t Lie To Me’ é mais dura (“Why can’t you just tell me the truth?, Hard to believe the things you say, Why can’t you feel the tears I cry today?, Cried today, cried today, How do you win if we all lose?, You change the facts to justify, Your lips move but your words get in the way”).
Produzido pela própria e por Walter Afanasieff, o álbum apresenta 11 canções – três assinadas por Barbra, em parcerias com Carole Bayer Sager, entre outros. Burt Bacharach, John Lennon, Yoko Ono, Alan e Marilyn Bergman também estão presentes.
O álbum termina com ‘Happy Days Are Here Again’, composta em 1929 por Milton Ager, que integrou o primeiro disco de Barbra ‘The Barbra Streisand Album’, em 1963.
No mesmo ano, ela a interpretou ao lado de Judy Garland no programa ‘The Judy Garland Show’. Em 1967, Barbra cantou a mesma para um público de 135 mil pessoas que foram ao Central Park, em Nova York.

Barbra Streisand @ James Russell

Números na indústria musical

Barbra é uma das maiores vendedoras de discos da história da música de todos os tempos, com expressivos 68,5 milhões de cópias nos EUA e 150 milhões em todo mundo. Esses números a colocam em primeiro lugar entre as artistas femininas, segundo a Associação da Indústria da Música Americana. Leia-se: ela vendeu mais que Beyoncé, Madonna, Whitney Houston e Mariah Carrey.
A mesma organização, junto com a Billboard, também a apontam como a primeira mulher a ter mais álbuns entre os 10 primeiros lugares desde 1963: 34 vezes.
Ela é a única artista a ter um álbum em número um seis décadas de carreira, conseguindo 53 álbuns de ouro, 31 de platina e 14 multi-platina nos EUA.

Prêmios

Barbra Streisand tem 43 indicações ao Grammy, vencendo oito vezes. Além desses, ela recebeu dois prêmios especiais: Grammy Legend Award em 1992 e Grammy Lifetime Achievement Award em 1994. Ela também tem quatro lugares no Grammy Hall of Fame.
No cinema, ela tem dois Oscar – Melhor Atriz em 1968 por ‘Funny Girl’ e Melhor Canção em 1976 por ‘Evergreen’, do filme ‘Nasce Uma Estrela’. No Globo de Ouro, tem cinco vitórias – incluindo como Produtora e Diretora do filme ‘Yentl’, de 1984.

Sua opinião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.