As primeiras super heroínas das HQs – Parte 7

A Parte 7 do especial As Primeiras Super Heroínas das HQs relembra Lady Luck (Brenda Banks), Miss Victory (Joan Wayne) e Chama (Carol Vance Martin). Todas do início da década de 1940, a Era de Ouro dos Gibis.

Lady Luck – Quality Comics / DC Comics

Criada por Will Eisner e Chuck Mazoujian, Lady Luck surgiu em tiras de jornais de domingo entre junho de 1940 a novembro de 1946. Suas aventuras foram reproduzidas em gibis publicados pela Quality Comics. Em 2013, a personagem voltou repaginada em ‘Phantom Stranger’ da DC Comics.

1940 Lady Luck @ Domínio Público

Lady Luck era o alter ego de Brenda Banks, uma rica herdeira de família irlandesa americana. Rejeitando a futilidade do seu círculo de amigos, ela treinou artes marciais e vestiu vestido, chapéu e véu verdes como máscara. Em algumas versões, apareceu com um chapéu azul.

1940 Lady Luck @ Reprodução

Trabalhando para o incompetente policial Feeny O’Mye e flertando com o chefe da policia Hardy Moore, Lady Luck não tinha poderes especiais.
A partir de 1942, ela ganhou um motorista particular italiano chamado Peecolo.

Lady Luck conseguiu 84# posição na lista das ‘100 Mulheres Mais Sexies das HQs’.

Miss Victory – Helnit Publishing Co

1941 Miss Victory @ Reprodução

A primeira aparição da super-heroína Miss Victory aconteceu na revista Captain Fearless #1 em agosto de 1941, publicado por Frank Z. Temerson para a Helnit Publishing Co.
Criada por Charles Quinlan, Miss Victory era o alter ego da secretária e estenógrafa Joan Wayne, que trabalhava para um departamento do Governo. Ela era assistente do Dr. Mark Benton do Projeto Colorado, que desenvolveu um composto químico chamado V-45 com a proposta de criar super soldados.
Joan tomou o composto, ganhou força sobre-humana, invulnerabilidade e poder de voo. Assim, tornou-se uma super agente do governo americano sob o nome de Miss Victory.
Dois anos depois, ela liderou um grupo de mulheres chamado FemForce, ao lado de Blue Blulleteer, She-Cat e Rio Rita.
A primeira versão de Miss Victory foi publicada de 1941 à 1946. Ela ganharia nova versão em 1984.

Chama / Wildfire – Quality Comics / DC Comics

Criada por Jim Mooney, Wildfire apareceu pela primeira vez no gibi “Smash Comics” #25 (1941) como a órfã que foi salva de um incêndio pelo deus do fogo, que lhe concedeu os poderes sobre as chamas.

1941 Chama – Wildfire @ divulgação

Ruiva e usando calças vermelhas, Carol Vance Martin foi planejada para estrelar na série ‘All-Star Squadron’, porém, a DC se negou, pois tinha um herói com o mesmo nome.

A personagem chegou a ser publicada no Brasil da época. O desenhista Jim Mooney calcou o visual da heroína na aparência de sua primeira mulher.

2016 Chama na capa da revista The Men of Mystery

A edição #100 da revista ‘Women of Mystery’ reimprimiu clássicos da AC Comics. Foram relembradas das mulheres mascaradas e heroinas com super poderes da era pré-Mulher Maravilha.