Confira o primeiro teaser da minissérie ‘Pam & Tommy’

O canal de streaming americano Hulu divulgou o primeiro teaser da série antológica/minissérie de oito episódios ‘Pam & Tommy’ sobre o escandaloso caso envolvendo a Sex Tape entre a estrela de ‘SOS Malibu/Baywatch’, Pamela Anderson e o baterista do Möntley Crüe, Tommy Lee.

O teaser apresenta a excelente caracterização de Lily James, como Pamela e Sebastian Stan, como Lee, em cenas do tumultuado casamento entre 1995 e 1998, que rendeu dois filhos.

‘Pam & Tommy’ é dirigido por Craig Gillespie, o mesmo de ‘Eu, Tonya’ e conta com o ator Seth Rogen como um dos produtores executivos.

A série tem estreia agendada para 02 de fevereiro de 2022.

Pamela e Tommy

Pamela Anderson e Tommy Lee @ STEVE.GRANITZ.INACTIVE for GETTY IMAGES

Pamela Anderson e Tommy Lee representam o final de uma Era iniciada por ‘Sid & Nancy’, filme de 1986 sobre o cantor Sid Viciuous e sua namorada Nancy Spungen com trágico final.
Eram casais do universo do rock com comportamento exagerado e hedonista, que hoje, entendemos como problemático e tóxicos.
Pam e Tommy se conheceram na noite de Réveillon de 1994 na boate Sanctuary, em Beverly Hills, da qual ela era uma das sócias. Tommy resumiu em seu livro de memórias Tommyland (Atria Books, 2004): “Chapado de ecstasy, a Joan Rivers fica parecendo a Pamela Anderson, então imagine como a Pamela Anderson deve parecer”
Obcecado pela atriz, Lee não hesitou em segui-la — sem ser convidado — a uma viagem de trabalho a Cancún. Lá, após muita insistência, ela aceitou tomar um drinque com o roqueiro, e 96 horas depois, no dia 19 de fevereiro de 1995, eles se casavam.
A notícia deu a volta ao mundo não só pelo incomensurável poder de atração da noiva, mas também porque Tommy Lee era o baterista da banda de metal Mötley Crüe, um grupo tão conhecido por seus excessos — seus membros enfrentaram overdoses, acidentes e prisões — como por sua potência sobre o palco.
Passado o choque inicial, o mundo se rendeu: Pamela e Tommy pareciam feitos um para o outro. Como não iria funcionar nas revistas e nas fofocas o amor entre um roqueiro selvagem e um símbolo sexual?
Além disso, apesar do seu aspecto radical, Tommy e Pamela eram canônicos: brancos, bonitos e apaixonados, casaram-se e logo tiveram dois filhos.
Porém, três palavras passaram a definir o casal: “fita pornô caseira”.
O casal tinha gravado suas intimidades ao longo de vários meses de 1995, incluindo uma relação sexual a bordo de um barco.
Então chegou um eletricista, Rand Gauthier, com quem Lee havia sido grosseiro e violento durante uma reforma da sua casa. A vingança de Rand consistiu em roubar o cofre do casal, e ali encontrou algo mais valioso que as joias e as armas de Lee: uma fita VHS.
As imagens acabaram chegando à internet, que ainda estava engatinhando. Acabou sendo o vídeo mais baixado do mundo. Anderson e Lee aprenderam que estas coisas não têm como ser freadas. Terminaram assinando um acordo para não se afundar em disputas judiciais eternas — ela, além do mais, estava grávida de sete meses do seu segundo filho —, mas negam ter se beneficiado com o escândalo subsequente.
O assunto da fita pornô caseira não era novidade. Nos anos oitenta, uma gravação deste tipo liquidou a carreira do ator Rob Lowe (embora, naquele caso, uma das participantes fosse menor de idade). Nos noventa, porém, fortaleceu a presença de Lee e Anderson como ícones pop, embora a contragosto. E na primeira década do século XXI a prática criaria novas estrelas midiáticas, que viram na crise a sua grande oportunidade.
No caso de Anderson e Lee, o vídeo terminou por desestabilizar um casal já fragilizado pelas crises de ciúmes dele e seu comportamento abusivo.
Durante uma discussão na frente dos filhos pequenos, Lee conta que começou a destruir os móveis da cozinha.

“Dei um chute na bunda dela [Anderson] para ajudá-la a sair andando.”

A versão de Pamela utiliza uma linguagem menos informal:

“Estava segurando Dylan nos braços enquanto o amamentava, quando Tommy me atacou fisicamente com total desprezo por minha segurança e, o que é mais importante, pela de nossos filhos. Tommy me chutou violentamente nas costas várias vezes e nas nádegas. Estava completamente fora de controle”.

Pamela denunciou o marido por abusos físicos e verbais. Lee foi condenado a seis meses da prisão, dos quais cumpriu quatro.
Ela pediu o divórcio, mas, voltaram, romperam e voltaram a ser um casal em várias ocasiões.
Hoje, tanto Anderson como Lee têm apenas um milhão de seguidores no Instagram, uma cifra modesta, que evidencia a substituição geracional entre o mundo que os alçou à fama, criada há 30 anos, e o de hoje.
Em janeiro de 2021, ela anunciou que deixaria as redes sociais, nas quais aliás “nunca esteve interessada”, para se dedicar a “ler e estar na natureza”.

(Post contem trechos de matéria do El País).

Sua opinião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.