Arquiteta aponta como as cores do ambiente podem influenciar no estado emocional

Segundo a professora de Arquitetura e Urbanismo do Cesuca, Suzana Fetter Fagundes, as cores produzem diversas sensações e impressões na decoração de uma casa.

Living pink @ divulgação

“Cada cor tem a sua vibração e isso atua nos nossos sentidos como estimulante ou relaxante. Além do estimulo físico, a influência das cores está também muito ligada a valores simbólicos e aprendidos, por exemplo, a cor do nosso time do coração”.

Segundo o livro “O Poder das Cores”, a tonalidade de roupas, objetos e flores é capaz de modificar sensações e comportamentos.

“Portanto, a cor é um elemento presente em todos os ambientes e tudo que nos rodeia tem influência no nosso bem-estar e estado de espirito. Mesmo que o ambiente não tenha sido pintado, ele terá uma cor, e é importante considerar isso”, enfatiza a arquiteta.

Suzana explica que é necessário analisar as cores na hora de escolher pensando em quais sensações a pessoa gostaria de transmitir.

Quarto infantil preto @ Reprodução
Quarto preto @ reprodução

“Se o objetivo é relaxar, como em um dormitório, por exemplo, o uso de cores claras, com um toque de azul e verdes pode ser o ideal. Para ambientes de estudo, onde devemos ficar mais atentos e estimular nossa criatividade, cores fortes, aplicadas de forma pontual podem ser a solução, como o laranja, que tem a função de estimular”, orienta.

Cozinha Azul Escuro @ reprodução

A docente listou abaixo a sensação que cada cor é capaz de transmitir no ambiente, confira:

Azul: tranquilidade, serenidade, frio
Verde: vitalidade, saúde
Amarelo: luz, energia, otimismo
Roxo: espiritualidade, mistério
Rosa: ternura, romantismo
Vermelho: energia, paixão
Laranja: alegria, vitalidade
Marrom: serenidade
Cinza: estabilidade
Branco: paz, limpeza
Preto: isolamento, poder

Banheiro amarelo @ reprodução

Portanto, é importante as pessoas interpretarem cada cor.

“As cores carregam valores simbólico e aprendidos, ligadas a cultura e as experiências individuais de cada um. Embora existam estudos que indiquem cores ideais, é importante avaliar também o gosto pessoal de cada um”, explica a docente.

A professora ressalta também que é importante considerar a intensidade da cor também.

Sala de jantar vermelho @ reprodução

“Os vermelhos podem variar de um vermelho sangue até um quase rosa. Quanto maior a intensidade de cor, mais forte será o impacto na sensação da pessoa e por isso devem ser usadas de forma pontual”.

Por fim, a professora de Arquitetura aponta que ao pensar em grandes ambientes, é interessante utilizar cores claras e neutras na maioria das paredes, deixando cores fortes e vibrantes para locais pontuais.

Living Verde @ CARSON DOWNING

“Almofadas, mantas e acessórios são um bom modo de colocar cores nos ambientes. São fáceis de trocar e rapidamente podemos dar uma nova cara e sensação”, finaliza.

Sua opinião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.