Critérios para um evento de sucesso

MONDO MODA preparou duas listas com os dez principais eventos de Moda e Decoração da Região Metropolitana de Campinas em 2011.
Focando a Moda – e suas vertentes, como Decoração – MONDO MODA esteve presente nas listas das principais assessorias de imprensa da RMC. Apesar disto, o critério não foi o melhor atendimento desta ou daquela assessoria – mesmo que isto conte muitos pontos. Como um veículo democrático, MONDO MODA não se esqueceu de eventos menores, o qual o convite veio da própria organização.
Antes de apontar as duas listas, preste atenção nos seguintes critérios:
Organização – Este item ficou muito estranho em 2011. Não adianta a dona da festa ser simpática ou ter uma assessoria de imprensa de primeira linha, se a contratada para fazer o evento é arrogante com a imprensa. Sabe aquele tipo que não olha na sua cara e só abre sorriso para posar para foto? Então… Este ano, teve uma que fez escola. A maior baixaria aconteceu comigo. Estava numa mesa com a Huguette Gallo, Renata Podolsky e Nice Miorim e chegou a funcionária desta empresa. Ela cumprimentou com beijos as moças e… E, nem me desejou um ‘boa-tarde’! Foi apenas um dos muitos exemplos do que esta pessoa anda fazendo por aí.
Recepção – A modelo precisa saber o que faz e ser simpática com todos – inclusive com a imprensa. Este ano, passei por duas situações surreais. Em ambas, no momento da entrega do brinde. Numa delas, simplesmente a ‘pessoa’ não entregou, justificando ‘ah, mas o brinde é para convidados e não para a imprensa!’. Quem a contratou deveria ter explicado que a imprensa deu (ou dará) publicidade espontânea, quando escreveu ou fotografou o evento. Sendo assim, ela precisa ser muito bem tratada!
Lista de presença – Leia o texto sobre o Studio 54 aqui no MONDO MODA para entender uma regra básica do sucesso de um evento. O principal item de uma festa bacana é o ECLETISMO. Não adianta convidar apenas as ‘amigas’ desocupadas do clube’ (que adoram uma boca-livre, mas não compram nada) para a abertura da loja de grife badalada. Precisa mesclar com profissionais do mercado de trabalho. A festa corre o risco de ficar chocha, pois quem suporta ver as mesmas caras em todos os eventos? Outra coisa: queria entender onde estão os negros bem-sucedidos da RMC? Por que sempre são esquecidos para participar das festas badaladas de moda?
Buffet de comidas – Economizar na comida é um erro. Não adianta convidar aquela ‘simpática’ empresa que serve ‘linguiça com cebolas e pão fatiado’, porque o evento tem cara de boteco. A Vogue até fez uma matéria falando maravilhas da Coxinha, mas coloca-la como Finger Food em festa badalada é um erro. Ninguém curte comida gordurosa e pesada. Principalmente para servir com Prosecco!
Buffet de bebidas – Farta. Não adianta caprichar no serviço de comida, se, em determinada hora, faltou água!
Vallet-park – Sim, isto é muito importante numa cidade com problemas seríssimos de trânsito.
Brindes – Se você não souber o que dar de brinde, não dê nada. Ninguém suporta pegar sacolinha com 200 folhetos dos patrocinadores…
Segurança – Educados, discretos e profissionais, eles precisam estar presentes, mas camuflados. Todo mundo gosta de se sentir seguro, mas não intimidado.
Clique aqui para saber quais os principais eventos de moda e de decoração de 2011 na Região Metropolitana de Campinas. 
(Colunista: Jorge Marcelo Oliveira)

2 comentários

Os comentários estão fechados.