‘Ghosland’ é o filme do terror do ano

Mãe (a cantora francesa Mylène Farmer) com duas filhas adolescentes se mudam para a casa de uma tia. O lugar é habitado pelo peculiar gosto por ‘bonecos/bonecas’ antigos e novos, como se fosse um museu. Uma coisa bem medonha, diga-se de passagem.
Uma das garotas, Beth, é fã do escritor de terror clássico H. P. Lovecraft, autor do conto ‘A Tumba’, escrito em 1917, que influenciou diversos escritores especializados em obras de suspense e fantasia. Ela escreve alguns rascunhos de uma estória, que conta com o apoio de sua mãe, mas desprezada pela irmã rebelde, Vera.

Na primeira noite, um food truck de sorvetes estaciona no local. Pouco depois, as três são brutalmente atacadas. A mãe, porém, consegue reagir e acaba facilitando que Beth escape.
16 anos, Beth se torna uma bem-sucedida escritora, casada e com um filho pequeno, que acaba de lançar uma obra chamada ‘Incidente em Ghostland’, no qual retrata de forma o que aconteceu no passado. Pouco depois de rever sua entrevista dada a um programa local, ela recebe uma ligação de sua irmã, Vera, pedindo que retorne a casa para ajuda-la numa pendência do passado.
A volta ao local será uma espécie de ‘abertura da caixa de Pandora’, com resultados surpreendentes.

Filme de terror francês dirigido com maestria por Pascal Laugier, que utiliza de um alto grau de violência física para contar uma assustadora estória, que, confesso, me deixou arrepiado. Detalhe: terror é meu gênero preferido de cinema nos últimos tempos!
O que surpreende em ‘Incidente em Ghosland’, premiado no 25º Festival de Cinema Fantástico, além do alto grau de violência sofrido pelas personagens, é o jogo psicológico proposto que vai se desvendando com sutileza. Tudo sem cair no óbvio – inclusive na (ótima) concepção dos responsáveis pela violência. Como um plus uma arrepiante trilha sonora.

Atenção: se você tem medo de bonecas antigas… Você ainda não viu nada!

Melhor filme de terror de 2018! Pelo menos, até aqui!

Sua opinião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.