Domingo Sangrento: o primeiro beijo gay em Hollywood

Um médico judeu e homossexual, Dr. Daniel Hirsh (Peter Finch) e uma funcionária de uma empresa de consultoria de emprego divorciada, Alex Greville (Glenda Jackson) se envolvem num triângulo amoroso com o escultor Bob Elkin (Murray Head) no filme britânico Domingo Sangrento (Sunday Bloody Sunday/1971), dirigido por John Schlesinger.
Detalhe: não existe segredo entre o trio!
O filme entrou para a história LGBTQI+ por apresentar o primeiro personagem gay bem construído e também o primeiro beijo entre dois homens nas telas do cinema.

Feito do diretor, também assumidamente gay, John, que venceu o Oscar de Melhor Diretor em 1969 com o excelente ‘Perdidos na Noite/Midnight Cowboy’.
Em aparição não creditada, o sensacional Daniel Day Lewis aparece como um vândalo que dirige um carro que molha crianças assim que passa por uma poça d’água.

Domingo Sangrento – Peter Finch, Murray Head e Glenda Jackson @ MGM

‘Domingo Sangrento’ foi indicado a quatro Oscars (Diretor, Ator, Atriz e Roteiro Original). Ganhou o Globo de Ouro de Filme Estrangeiro e o cinco BAFTAS (Filme, Diretor, Ator, Atriz e Montagem).

Sua opinião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.