Imperdível documentário ‘Orgulho Além da Tela’ no Globoplay

Em 2003 escrevi uma matéria chamada ‘O personagem homossexual na telenovela brasileira’ que começava relacionando três diferentes exemplos de casais de lésbicas nas novelas ‘Mulheres Apaixonadas (2003)’, ‘Torre de Babel (1999)’ e ‘Vale Tudo (1988)’.
Enquanto na trama atual (da época) colocava duas garotas de classe média na composição do casal que, dentro da complexa trama sobre relacionamentos, era o mais ‘apaixonado’ – um marco assinado pelo autor Manoel Carlos, as outras tiveram destinos diferentes, incluindo o casal feito por Silvia Pfeiffer e Christiane Torloni sumirem na trama ao serem vítimas da explosão de um shopping.
Elas são lembradas em Orgulho Além da Tela, documentário em três capítulos que faz um retrospecto da representação do personagem LGBTQIA+ nas novelas da Globo. Do primeiro, Rodolfo Augusto interpretado por Ary Fontoura em “Assim na Terra como no Céu” em 1970 terminando com as transexuais vividas por Nany People (O Sétimo Guardião, 2018) e Glamour Garcia (A Dona do Pedaço, 2019).

Globoplay estreia série-documental ‘Orgulho Além da Tela’, que faz um retrospecto da representação LGBTQIA+ nas novelas da Globo — Foto Globo

O programa intercala cenas das tramas com depoimento dos atores, autores, diretores, ativistas e telespectadores que foram impactados na vida real pelas estórias vividas pelos personagens. Ao todo, 50 pessoas foram entrevistadas entre o elenco da emissora e anônimos.
A série resgata marcos da história do país que contribuíram para a aceitação ou rejeição das tramas pelo público. Com o tempo, os personagens passaram a ter histórias mais aprofundadas e deram os primeiros beijos nas telas. Em “Mulheres apaixonadas”, houve o primeiro entre duas mulheres; em “Amor à vida”, o primeiro entre dois homens. Já “América” frustrou ao não exibir a demonstração de afeto, que foi cortado pela direção da trama (a cena também foi apagada dos arquivos da emissora).
Segundo a fala inicial do ator Ary Fontoura, a Globo colocou 200 personagens LGBTQIA+ em suas tramas. Lógico que não foi possível citar cada um deles, priorizando aqueles de maior visibilidade/sucesso.
Mesmo assim, confesso que fiquei emocionado em alguns momentos, principalmente nas cenas com o Félix na novela ‘Amor À Vida’, de 2014.
‘Orgulho Além da Tela’ está na plataforma do GloboPlay desde segunda, 11 de outubro.
Super recomendo.

Sua opinião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.