A Estrada da Noite – Os clichês do rock servindo ao terror

Micaela Huertas Livro A Estrada da Noite @ Acervo Micaela Huertas

Artigo assinado pela livreira Micaela Huertas

Já teci mil elogios a Joe Hill quando trouxe para vocês a resenha de Nosferatu (https://mondomoda.com.br/2020/11/27/nosferatu-livro/) e devo dizer que pela terceira vez o autor não me decepcionou (antes destes li O Pacto – Sextante, 2010).
A Estrada da Noite nos narra a vida do astro de rock Jude Coyne que depois de uma infância e adolescência conturbadas e cheia de abusos, foge para Nova York e se torna o frontman de uma banda metal com letras depressivas, apelos ao bizarro e ao sobrenatural e uma legião de fãs góticos pelo mundo.
Conhecemos Jude quando já está com 54 anos, morando com a namorada de 26, ex-stripper, gótica e com uma coleção de histórias tristes e frustrações típicas dos sem sorte na vida. Nessa fase a banda já acabou e Jude mora numa fazenda cuidando de seus dois cachorros, os únicos com quem ele realmente soube se relacionar a vida toda, gravando demos que nunca manda para sua gravadora e sem querer fazer turnês há dois anos.
Durante toda sua vida, nosso astro manteve um gosto peculiar para o bizarro e o sobrenatural. Foi assim que deu início a uma coleção de livros, filmes e objetos relacionados a crime, submundo, espíritos, seitas e qualquer coisa que fuja do considerado saudável e normal. Não que Jude acreditasse realmente em algo, era só uma curiosidade mórbida.
Então um dia ele resolve comprar um fantasma num leilão online. O anúncio relatava que o padrasto de uma mulher do sul havia falecido e continuava na casa, apegado ao seu paletó. Ela acreditava que quem comprasse o paletó, levaria junto o fantasma. Jude não resistiu e deu logo o maior lance.

Micaela Huertas Livro A Estrada da Noite @ Acervo Micaela Huertas

Podemos imaginar o que aconteceu… Realmente ele recebe o casaco e o fantasma não demora aparecer. Passamos então a assistir a constante assombração querendo levar Jude e as pessoas próximas a ele pela estrada da noite à morte.
Mas claro que Joe Hill não escreveria uma história de terror apenas pelo prazer do medo. A trama é bem mais complexa e começa quando Jude descobre que o fantasma é o padrasto de uma ex sua que se matou. Ele culpa Jude pela morte da enteada e prometeu se vingar.
O desenrolar é uma tensão constante entre assombração, perseguição, medo e recordações da vida de todas as personagens que culminam numa análise psicológica de como a família e o mundo pode nos quebrar e do que somos capazes para sobreviver.
Um pequeno plus do livro para os rockers de plantão (como eu): diversas bandas e personalidades do mundo rock são citadas e fazem parte de uma ou outra história da vida de Jude, tornando a ideia de sua existência tão interessante que dá até vontade de ouvir suas músicas.
Usado: a partir de R$ 8,00
Novo: R$ 48,50

Sua opinião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.