Dez dias em Paris por Mariana Oliveira

Artigo assinado pela arquiteta Mariana Oliveira (@oliv_mari) – especial para o MONDO MODA

Próxima parada: Paris! Um reencontro mágico! Aqui só mostro os mais conhecidos pontos turísticos, porém vale muito procurar pela história desta cidade incrível que começa em 55 a.C.
Impossível não se encantar pelas ruas de Paris. A primeira opção é conhecer os arredores de onde você está hospedado. Situar onde estamos e o que temos por perto. Depois, um passeio com aqueles ônibus turísticos que passam por várias localizações e contam um pouco da história.

Paris – Ruas @ Mariana Oliveira

No dia seguinte o destino é Montmartre. É uma colina no qual o bairro fica no alto e um pouco mais afastado do centro. No século XIX era o berço dos artistas, uma área mais boêmia. Perceba pelas ruas um ar mais romântico. Charmosas ruas, vielas, pracinhas com suas construções. Permita-se se perder de vez em quando.

Todos os caminhos levam a Basílica de Sacré- Coeur ( 1875 – 1914). Subindo você pode ter uma vista da cidade. Neste bairro você também encontra um edifício onde morou Van Gogh e a casa de espetáculos Moulin Rouge, além de alguns restaurantes históricos.

Paris – Basílica de Sacré-Couer @ Mariana Oliveira
Paris – Casa Van Gogh @ Mariana Oliveira

Descendo para o centro da cidade novamente com uma longa tarde pela frente (em Junho, a cidade escurece por volta das 22h) optei visitar a região de comércio. Destaque para a grande Galeria Lafayette (1906), lojas de departamentos, as maiores grifes e uma arquitetura linda.

Mas hoje a queridinha dos parisienses é a La Samaritaine, um edifício de art noveau totalmente restaurado.

Paris – La Samaritaine @ Mariana Oliveira

O que conseguir fazer a pé é bem melhor. Vistas das paisagens, das famosas pontes, do Rio Sena e do movimento dos barcos (que você tem várias opções de passeios). Em todos os momentos, as pessoas desfrutam as margens do rio. Vale uma pausa na Ponte Neuf (1607), a mais antiga e em pedra. E a Ponte de Alexandre III, a mais decorada, com grandes e extravagantes estátuas.

Paris – Ponte Neuf @ Mariana Oliveira

Uma curiosidade: a maioria dos lugares abre às 10h. Então se você gosta de sair mais cedo, como eu, é um ótimo momento para visitar os pontos mais vazios e conseguir boas fotos, como das ruas, parques, jardins, etc. Vale a pena andar e se encantar.

Paris – Ponte Alexandre III @ Mariana Oliveira

Se puder tirar um dia para visitar museus – e o contato com a arte – com certeza vai valer a pena. Comecei pelo Petit Palais, Museu D’Orsay e Museu Rodin.

A igreja Sainte Chapelle (1248) e seus lindos vitrais, que criam cenários mágicos com a luz do dia.

Tirei um dia para sair de Paris e visitar o vilarejo Giverny. Conhecer a casa e os jardins de Monet. Para quem gosta de natureza é um mundo à parte. Sensível e lindo! Um terreno adquirido em 1.893. Com certeza verá muitas obras e o mobiliário da casa deste grande mestre (pode fazer um bate e volta que é o suficiente).

No período da tarde, fui ao maravilhoso Versalhes (que daria um capítulo à parte) – praticamente o maior palácio da Europa (inicio aprox.1668). Imensas alas, salas, capela e teatro.

Paris – Palácio Versalhes @ Mariana Oliveira

A sala mais famosa é a dos Espelhos com 73 metros quadrados de comprimento e 357 espelhos. Os dormitórios, os mobiliários, os costumes da época e tudo mais!

Paris – Palácio Versalhes @ Mariana Oliveira

Saindo do palácio ainda temos os imensos jardins, além dos bosques, fontes, trilhas e lagos. E você sai com a sensação que deixou de ver algo! E deixou com certeza!

Paris – Palácio Versalhes @ Mariana Oliveira

Segui até a famosa Torre Eiffel (1889). Suba até o topo! São 276 metros acima do solo e você pode ver Paris de todos os lados. A escala humana neste lugar é surreal, e a famosa “dama de ferro” faz por merecer!

Paris – Torre Eifell @ Mariana Oliveira
Paris – Visão da cidade no alto da Torre Eifell @ Mariana Oliveira

Descendo, desfrute dos gramados, passe um tempo admirando ou até mesmo faça uma refeição como os parisienses.
Louvre (aprox.. 1.190) também é outro capítulo à parte. Um complexo! Estou entrando em uma das coleções mais importantes do mundo. Visite a Monalisa, mas também aprecie as milhares de obras, esculturas, quadros e a arte egípcia.

A pirâmide veio depois (1989), mas integra perfeitamente o edifício. A luz, a paisagem externa com interna, o movimento… É lindo estar e viver diversos momentos durante um único dia.
Outro lugar que vale muito a pena conhecer é a Ópera de Paris (1862), que demorou 13 anos para ficar pronta. Muito presente o estilo barroco, você pode ver a riqueza de detalhes, mistura de materiais, o mármore tão presente. Uma atmosfera de luxo, beleza e história.

Paris – Ópera de Paris @ Mariana Oliveira
Paris – Ópera de Paris @ Mariana Oliveira

Se tiver dias sobrando em Paris vá a Disneyland Paris (para quem adora Disney). É bem menor que a de Orlando, portanto se estiver sem crianças, consegue fazer os dois parques em um dia. Vale a pena viver os sonhos deste lugar mágico.

Paris – Disneylândia @ Mariana Oliveira

Conhecendo a região da Normandia, você pode ir a Mont Saint Michel que fica a 400 km de Paris. Vale a pena conhecer a abadia dedicada a São Miguel Arcanjo em uma ilha rochosa, patrimônio mundial da UNESCO e que começa sua história no ano de 709. É incrível e emocionante!

Paris – Abadia Saint Michel @ Mariana Oliveira

Lembrando que a Notre Dame não pode entrar devido ao processo de restauro que vem passando desde o incêndio de 2019. Mas caso queira passar na região.
Enfim, Paris é extremamente charmosa, repleta de cafés, restaurantes e cantinhos deliciosos para descobrir. Se permita andar sem pressa, sentindo a atmosfera que ela nos oferece. Existem muitos outros pontos, mas procurei contar um pouco como turista.

Paris – Arco do Triunfo @ Mariana Oliveira

Dicas que podem ajudar:
• Paris tem um sistema de metrô sensacional. Antigo em alguns pontos, porém funciona perfeitamente. Você faz a cidade, os arredores, e dá certo!
• Todos os pontos têm muitas filas, mas vale a pena!
• Compre os bilhetes das atrações que quiser visitar antes de viajar! Pela internet, aplicativo, etc.
• Sapatos confortáveis sempre! Principalmente se você gosta de fazer a cidade a pé como eu!

Sua opinião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.