Meninas Selvagens – a estreia de Rory Power

Livro Meninas Selvagens @ Acervo Micaela Huertas

Artigo assinado pela livreira Micaela Huertas

Nascida e criada nos Estados Unidos, Rory Power dedicou seus estudos e carreira à literatura. Com Mestrado em Ficção e Prosa, trabalhando como editora de ficção policial e como consultora de adaptações para TV, a autora lançou seu primeiro livro em 2020 e já se tornou um fenômeno entre o público juvenil.
Meninas Selvagens conta a história de um grupo de estudantes da escola Raxter, uma escola de elite isolada em uma ilha do Maine, que é assolada por uma epidemia avassaladora de um vírus desconhecido, então denominado TOX.
Os primeiros sinais da Tox aparecem na vegetação e nos animais da ilha, mas não demora para que as alunas comecem a se contaminar e apresentem mutações físicas e mudanças de comportamento.
A ilha então é colocada em quarentena e a escola em total isolamento. As meninas não podiam sair, seja pela contaminação ou pelos perigos que o local passou a oferecer com a escalada de selvageria que a Tox trouxe para a natureza.
Essa selvageria também se faz presente em algumas das meninas e na forma como lidam com o novo cotidiano que a epidemia impôs. Não há mais aulas de artes e sim de tiro. As tarefas incluem segurança e organização. Elas passam frio e fome. Não sabem se um dia sairão dali ou se existe cura.

Livro Meninas Selvagens @ Acervo Micaela Huertas

Com este cenário e com protagonistas bem construídos, Rory nos prende do começo ao fim. A ansiedade por entender os mistérios da ilha e da Tox, por saber se as meninas conseguirão sobreviver, faz as páginas virarem rapidamente.
O livro foi classificado como um terror feminista. Denominação estampada na capa. No entanto, exagerada.
As personagens são praticamente todas mulheres, a ótica é totalmente feminina, mas não é uma defesa de direitos ou mesmo panfletária. Talvez, a definição de feminista tenha vindo da ideia de representatividade. Uma história contada e protagonizada por mulheres, naturalmente vai atingir este gênero.
Já sobre a classificação de “terror”, pode ser por conter elementos: mistério, suspense, crime, seres fantásticos. Mas não causa medo em nenhum momento. Eu me identificaria mais como ficção científica do que como terror.
De qualquer forma, é um livro incrível e atual. E não digo isso pela pandemia que enfrentamos, mas pela contextualização das personagens e da sua capacidade de adaptação. Com certeza, Rory nos prova o quanto podemos ser fortes.
Novo a partir de R$ 29,90
Usado – a partir de R$ 10,00

Sua opinião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.